quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Seguir Jesus - Vocação e Santidade.

Sede bendito, nosso Deus misericordioso, Nosso onipotente Criador e Senhor! Nós Vos damos honra na mais profunda humildade, mergulhando no oceano da Vossa divindade. [Diário de Santa Faustina 1744]. Jesus eu confio em Vós!
ENCERRA-SE AGOSTO MES DAS VOCAÇÕES SEGUE
MENSAGEM DO PAPA FRANCISCO E ORAÇÃO PELAS VOCAÇÕES
Peçamos ao Senhor que conceda, a todas as pessoas que estão a realizar um caminho vocacional, uma profunda adesão à Igreja; e que o Espírito Santo reforce, nos Pastores e em todos os fiéis, a comunhão, o discernimento e a paternidade ou maternidade espiritual.
Pai de misericórdia, que destes o vosso Filho pela nossa salvação e sempre nos sustentais com os dons do vosso Espírito, concedei-nos comunidades cristãs vivas, fervorosas e felizes, que sejam fontes de vida fraterna e suscitem nos jovens o desejo de se consagrarem a Vós e à evangelização. Sustentai-as no seu compromisso de propor uma adequada catequese vocacional e caminhos de especial consagração. Dai sabedoria para o necessário discernimento vocacional, de modo que, em tudo, resplandeça a grandeza do vosso amor misericordioso. Maria, Mãe e educadora de Jesus, interceda por cada comunidade cristã, para que, tornada fecunda pelo Espírito Santo, seja fonte de vocações autênticas para o serviço do povo santo de Deus.

terça-feira, 30 de agosto de 2016

Santa Faustina, Apóstola da Misericórdia!

“Meu Jesus, Vós vedes que, além de não saber escrever, ainda não tenho uma boa caneta e, algumas vezes, realmente tenho tanta dificuldade em escrever que tenho que juntar letras para formar frases. E isso não é tudo – pois, junto das irmãs, ainda tenho a dificuldade de anotar estas coisas em segredo. Muitas vezes tenho que fechar o caderno a cada instante para ouvir pacientemente o que essa pessoa tem para me dizer, enquanto o tempo que eu tenho para escrever vai passando. Fechando de repente o caderno – faço borrões. Estou escrevendo com a autorização das superioras e por ordem do confessor. No entanto, é uma coisa estranha que algumas vezes consiga escrever mais ou menos bem, mas outras vezes – eu mesma não consigo ler o que escrevi”. [Diário 839]. Jesus eu confio em Vós!
ORAÇÃO PARA AS ALMAS
Réquem (repouso)
Repouso eterno dá-lhes, Senhor,
E a luz perpétua os ilumine,
Tu és digno de hinos, ó Deus, em Sião,
E a ti rendemos homenagens em Jerusalém;
Ouve a minha oração,
Diante de Ti toda carne comparecerá.
Repouso eterno dá-lhes, Senhor,
E luz perpétua os ilumine.
Senhor, tende piedade,
Cristo, tende piedade,
Senhor tende piedade.

Meu Jesus, pelas dores que sofrestes em vossa agonia no jardim, em vossa flagelação e coroação de espinhos, no caminho do Calvário, em vossa crucifixão e morte, tende misericórdia das almas do Purgatório, e especialmente daquelas mais esquecidas. Livrai-as dos terríveis tormentos. Chamai-as e recebei-as no vosso doce abraço no Paraíso. Amém.


segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Intenção pura agrada a Deus!

Santa Faustina: Compreendi, em determinado momento, como não agrada a Deus a ação, ainda que seja a mais louvável, mas que não tenha o selo da intenção pura. Tais ações despertam, antes, o castigo de Deus do que a Sua recompensa. Oxalá na nossa vida o seu número seja o minimo possível e, na vida religiosa elas não devem existir absolutamente. [Diário 484]. Jesus fonte de milagres e prodígios eu confio em Vós!
ORAÇÃO PARA AS ALMAS DO PURGATÓRIO
"Misericordiosíssimo Jesus, que disseste que quereis misericórdia, eis que estou trazendo à morada do vosso compassivo Coração, as almas do purgatório, almas que vos são mui queridas e que, no entanto devem reparar a vossa justiça; que as torrentes de sangue e a água que brotaram do vosso Coração apaguem as chamas do fogo do purgatório, para que também ali seja glorificado o poder da vossa misericórdia". Amém. 
Novena "Almas Aflitas"
Segunda-feira, dia dedicado as Almas do Purgatório.
"Pai Eterno, eu vos ofereço o sangue de nosso Senhor Jesus Cristo, intercedei pelas almas aflitas.
E vós, almas aflitas, ide perante a Deus e pedi a graça que necessito (fazer o pedido)". Rezar: Pai Nosso, Ave Maria e o Glória.

domingo, 28 de agosto de 2016

Domingo dia do Senhor!


"E diante de Vós derramo, por minha vez, todas as minhas confidências." [Diária de Santa Faustina 1004]. Jesus eu confio em Vós!
Lucas 14, 1.7-14
Num dia de sábado aconteceu que Jesus foi comer em casa de um dos chefes dos fariseus, que o observavam.Jesus notou como os convidados escolhiam os primeiros lugares. Então contou a eles uma parábola:
"Se alguém convida você para uma festa de casamento, não ocupe o primeiro lugar. Pode ser que tenha sido convidado alguém mais importante do que você; e o dono da casa, que convidou os dois, venha dizer a você: 'Dê o lugar para ele’. Então você ficará envergonhado e irá ocupar o último lugar.
Pelo contrário, quando você for convidado, vá sentar-se no último lugar. Assim, quando chegar quem o convidou, ele dirá a você: 'Amigo, venha mais para cima’. E isso vai ser uma honra para você na presença de todos os convidados. De fato, quem se eleva será humilhado, e quem se humilha será elevado."
Jesus disse também ao fariseu que o tinha convidado: "Quando você der um almoço ou jantar, não convide amigos, nem irmãos, nem parentes, nem vizinhos ricos. Porque esses irão, em troca, convidar você. E isso será para você recompensa. Pelo contrário, quando você der uma festa, convide pobres, aleijados, mancos e cegos. Então você será feliz! Porque eles não lhe podem retribuir. E você receberá a recompensa na ressurreição dos justos". 

Palavra da Salvação. Glória a Vós Senhor.
HOJE CELEBRAMOS SANTO AGOSTINHO
ORAÇÃO:Vós sois, ó Jesus, o Cristo, meu Pai santo, meu Deus misericordioso, meu Rei infinitamente grande; sois meu bom pastor, meu único mestre, meu auxílio cheio de bondade, meu bem-amado de uma beleza maravilhosa, meu pão vivo, meu sacerdote eterno, meu guia para a pátria, minha verdadeira luz, minha santa doçura, meu reto caminho, sapiência minha preclara, minha pura simplicidade, minha paz e concórdia; sois, enfim, toda a minha salvaguarda, minha herança preciosa, minha eterna salvação.
Ó Jesus Cristo, amável, Senhor, por que, em toda minha vida, amei, por que desejei outra coisa senão Vós? Onde estava eu quando não pensava em Vós? Ah! que, pelo menos, a partir deste momento meu coração só deseje a Vós e por Vós se abrase, Senhor Jesus! Desejos de minha alma, correi, que já bastante tardastes; ó apressai-vos para o fim a que aspirais; procurai em verdade Aquele que procurais.
Ó Jesus, anátema seja quem não Vos ama. Aquele que não Vos ama seja repleto de amarguras. Ó doce Jesus, sede o amor, as delícias, a admiração de todo coração dignamente consagrado à vossa glória.
Deus de meu coração e minha partilha, Jesus Cristo, que em Vós meu coração desfaleça, e sede Vós mesmo a minha vida.
Acenda-se em minha alma a brasa ardente de vosso amor e se converta num incêndio todo divino, a arder para sempre no altar de meu coração; que inflame o íntimo de meu ser, e abrase o âmago de minha alma; para que no dia de minha morte eu apareça diante de Vós inteiramente consumido em vosso amor. Assim Seja.
ULTIMO DOMINGO DE AGOSTO -
MÊS DAS VOCAÇÕES.
Creio firmemente na minha vocação batismal.
Creio na graça de Deus para assumi-la fielmente.
Creio em Jesus Cristo, enviado do Pai, que continua chamando ainda hoje, cada homem a viver plenamente o seu batismo.
Creio que Jesus também chama alguns para segui-lo, assumindo uma vocação específica na Igreja como leigo, consagrado no mundo, religioso, religiosa, sacerdote e missionário.
Creio nos jovens, em seu coração inquieto, sedento de Deus.
Creio no potencial de força transformadora
presente em cada cristão consciente de seu compromisso, que tudo empenha no trabalho para o despertar
das diversas vocações, na Igreja.
Creio na Igreja, onde construiremos uma só família vivendo a unidade na diversidade de dons.
Creio no amor de Deus transformando corações e amadurecendo-os para seu serviço.

sábado, 27 de agosto de 2016

Santa Mônica, rogai por nós!


"Minha filha, eu recomendo você cumprir fielmente todos os desejos de Deus, porque este é o mais agradável a Seus santos olhos. Ardentemente desejamos-lhe destaques deste, ou seja, a fidelidade a cumprir a vontade de Deus. Esta vontade de Deus, anteponha ofertas todos os holocaustos e sacrifícios". [Diário 1244]. Jesus eu confio em Vós!
HOJE CELEBRAMOS SANTA MÔNICA - MÃE DE SANTO AGOSTINHO
Ó Esposa e Mãe exemplar, Santa Mônica:
Tu que experimentastes as alegrias e as dificuldades da vida conjugal;
Tu que conseguiste levar à fé teu esposo Patrício, homem de caráter desregrado e irascível;
Tu que chorastes tanto e oraste dia e noite por teu filho Agostinho e não o abandonaste mesmo quando te enganou e fugiu de ti.
Intercede por nós, ó grande Santa, para que saibamos transmitir a fé em nossa família; para que amemos sempre e realizemos a paz.
Ajuda-nos a gerar nossos filhos também à vida da Graça; conforta-nos nos momentos de tristeza e alcança-nos da Santíssima Virgem, Mãe de Jesus e Mãe nossa, a verdadeira paz e a Vida Feliz.
Santa Mônica, rogai por nós. Amém.

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Coração de Jesus, majestade infinita, tende piedade de nós.

O Meu Coração sofre (…) porque até as almas eleitas não compreendem como é grande a Minha misericórdia. [Diário 379]. Jesus eu confio em Vós!
Ladainha do Sagrado Coração de Jesus
Senhor, tende piedade de nós.
Jesus Cristo, tende piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.
Jesus Cristo, ouvi-nos.
Jesus Cristo, atendei-nos.
Pai Celeste, que sois Deus, tende piedade de nós. 
Filho, Redentor do mundo, que sois Deus, tende piedade de nós. Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, Filho do Pai eterno, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, formado pelo Espírito Santo no seio da Virgem Mãe, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, unido substancialmente ao Verbo de Deus, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, majestade infinita, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, templo santo de Deus, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, tabernáculo do Altíssimo, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, casa de Deus e porta do Céu, tende piedade de nós. 
Coração de Jesus, fornalha ardente de caridade, tende piedade de nós. 
Coração de Jesus, receptáculo de justiça e de amor, tende piedade de nós. 
Coração de Jesus, cheio de bondade e de amor, tende piedade de nós. 
Coração de Jesus, abismo de todas as virtudes, tende piedade de nós. 
Coração de Jesus, digníssimo de todo o louvor, tende piedade de nós. 
Coração de Jesus, Rei e centro de todos os corações, tende piedade de nós. 
Coração de Jesus, no qual estão todos os tesouros da sabedoria e ciência, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, no qual habita toda a plenitude da divindade, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, no qual o Pai põe todas as suas complacências, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, de cuja plenitude todos nós participamos, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, desejado desde toda a eternidade, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, paciente e de muita misericórdia, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, rico para todos que vos invocam, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, fonte de vida e santidade, tende piedade de nós
Coração de Jesus, propiciação por nossos pecados, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, saturado de opróbrios, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, esmagado de dor por causa dos nossos pecados, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, feito obediente até a morte, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, atravessado pela lança, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, fonte de toda a consolação, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, nossa vida e ressurreição, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, nossa paz e reconciliação, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, vítima dos pecadores, tende piedade de nós
Coração de Jesus, salvação dos que em vós esperam, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, esperança dos que morrem em vós, tende piedade de nós.
Coração de Jesus, delícias de todos os santos, tende piedade de nós.
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, perdoai-nos, Senhor. 
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, ouvi-nos Senhor. 
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, tende piedade de nós.
Jesus, manso e humilde de coração. Fazei nosso coração semelhante ao vosso.
Oremos: Deus Onipotente e Eterno, olhai o Coração do vosso diletíssimo Filho e os louvores e reparações que pelos pecadores vos tem tributado; e aos que invocam vossa misericórdia, vós, aplacado, sede fácil no perdão, pelo mesmo Jesus Cristo que Convosco vive e reina para sempre, na unidade do Espírito Santo. Amém.

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Hóstia Santa, amor mais puro do meu coração!

"Ó Hóstia santa, reside na minha alma, Amor mais puro do meu coração, que Tua luz dissipe as trevas, pois não negarás a graça ao coração humilde” [Diário de Santa Faustina 159]. Jesus eu confio em Vós!
Oração a Jesus Solitário 
no Santíssimo Sacramento.
Oh! Divino Jesus! que durante a noite estais solitário em tantos tabernáculos do mundo, sem que nenhuma de vossas criaturas vá visitá-Lo e adorá-Lo.
Eu vos ofereço meu pobre coração, desejando que todas as suas pulsações sejam de amor e adoração.
Vós, Senhor, estais sempre sob as espécies Sacramentais, vosso amor misericordioso nunca dorme nem se cansa de velar pelos pecadores.
Oh! Jesus amantíssimo! Oh! Jesus solitário! fazei meu coração qual lâmpada acessa; em caridade se inflame e arda sempre em vosso amor.
Velai Oh! sentinela Divino! velai pelo mísero mundo, pelos sacerdotes, pelas almas consagradas, as extraviadas, pelos pobres enfermos cujas noites intermináveis necessitam de vossa fortaleza e vosso consolo, pelos moribundos e por este vosso humilde servo que, para melhor servir-vos, descansa mas sem deixar pensar em Vós, em vosso Sacrário... onde vives na solidão e no silêncio da noite.
Seja sempre bendito, glorificado, adorado, amado e reverenciado o Coração Sagrado de Jesus em todos os Sacrários do mundo. Amém. 
“Ó minha alma, louva ao Senhor. Louvarei ao Senhor durante a minha vida; cantarei louvores ao meu Deus enquanto eu for vivo.” Salmo 146,1
“Graças e louvores sejam dados a todo o momento, ao Santíssimo e Diviníssimo Sacramento.”

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Jesus é rico em misericordia para com todas as almas.


“Neste momento quando peguei a caneta na mão, rezei brevemente ao Espírito Santo e disse: Jesus abençoai esta caneta, para que tudo que me mandais escrever seja para a glória de Deus. Então ouvi a voz: Sim, abençoo, porque nessa escrita está o selo da obediência à superiora e ao confessor e por isso mesmo já Me dás glória, e muitas almas tirarão proveito para si. Minha filha, quero que dediques todos os momentos livres a escrever sobre a Minha bondade e misericórdia; é teu dever e tua missão em toda a tua vida dar a conhecer às almas a grande misericórdia que tenho para com elas, e animá-las à confiança no abismo da minha misericórdia”. [Diário 1567]. Jesus eu confio em Vós!
Oração dos pais pelos filhos
Glorioso São José, esposo de Maria,  concedei-nos a vossa proteção paterna,  nós vos suplicamos pelo coração de Nosso Senhor Jesus Cristo.Vós, cujo poder se estende a todas as necessidades,  sabendo tornar possíveis as coisas impossíveis,  volvei vossos olhos de pai sobre os interesses dos vossos filhos. Na dificuldade e tristeza que nos afligem, recorremos a vós, com toda a confiança. Dignai-vos tomar sob o vosso poderoso amparo este assunto importante e difícil, causa de nossas preocupações. Fazei que o seu êxito, sirva para a glória de Deus e bem dos seus dedicados servos. Amém.

São José, Pai e protetor,  pelo amor tão puro que tivestes ao Menino Jesus,  preservai meus filhos  - os amigos dos meus filhos e os filhos dos meus amigos –  das corrupções das drogas, do sexo e de outros vícios e de outros males. São Luís de Gonzaga, socorrei os nossos filhos. Santa Maria Goretti, socorrei os nossos filhos. São Tarcísio, socorrei os nossos filhos. Santos Anjos, defendei meus filhos  - e os amigos dos meus filhos e os filhos dos meus amigos -, dos assaltos do demônio que quer perder suas almas. Jesus, Maria, José, ajudai-nos a nós, pais de família. Jesus, Maria, José, salvai nossas famílias. Amém.

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Jesus, agradeço-Vos.

 
Agradeço-Vos, Jesus, pelos sofrimentos interiores, pela aridez do espirito, pelos temores, medos e incertezas, pelas trevas e espessa cerração interior, pelas tentações e diversas provações, pelos tormentos que são difíceis de exprimir e especialmente, por aqueles em que ninguém nos compreenderá, pela hora da morte, pela dificuldade da luta nela, por toda a sua amargura. [Diário 343]. Jesus eu confio em Vós!
Santos Anjos da guarda dos filhos
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos, seus conselheiros inspirai-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos, seus defensores protegei-nos.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos, seus fiéis amigos pedi por eles.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos, seus consoladores fortificai-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos, seus irmãos defendei-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos, seus mestre ensinai-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos, testemunhas de todas as suas ações purificai-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos, seus auxiliares amparai-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos, seus intercessores falai por eles.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos, seus guias dirigi-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos, sua luz iluminai-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos, a quem Deus encarregou de conduzi-los governai-os.
Santos Anjos do Senhor , zelosos guardiões dos filhos, já que a vós lhes confiou a piedade divina, sempre os rejam, os guardem, os governem e os iluminem. Amém!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo, como era no princípio, agora e sempre. Amém.

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Santíssima Virgem Maria Rainha.

"Eu não sou apenas a Rainha do Céu, mas também a Mãe de Misericórdia e sua mãe ". [Diário 330]. Jesus eu confio em Vós!
SANTÍSSIMA VIRGEM MARIA RAINHA
"O Espírito Santo virá sobre ti, e o poder do Altíssimo vai te cobrir com a sua sombra; por isso o Santo que nascer será chamado Filho de Deus". Disse, então, Maria: "Eu sou a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra!" Lc. 1,37-38.
Ainda Lucas, nos Atos dos apóstolos, coloca Maria no meio dos apóstolos, recolhida com eles em oração. Ela constitui o vínculo que mantém unidos ao Ressuscitado aqueles homens ainda não robustecidos pelos dons do Espírito Santo. Pois a sua extraordinária humildade e fé total na palavra do anjo, que fez descer sobre a Terra um Deus ainda mais humilde do que ela. E, através de suas virginais virtudes e pureza de coração, Maria ficou ainda mais próxima de seu Filho.  
Maria é Rainha, porque é a Mãe de Jesus Cristo, o Rei. Ela é Rainha porque supera todas as criaturas em santidade. "Ela encerra em si toda a bondade das criaturas", diz Dante na Divina Comédia. 
Tudo que se refere ao Messias traz a marca da divindade. Assim, todos os cristãos vêem em Maria a superabundante generosidade do amor divino, que a acumulou de todos os bens. A Igreja convida o povo a invocá-la não só com o nome de Mãe, mas também com aquele de Rainha, porque ela foi coroada com o duplo diadema, de virgindade e de maternidade divina
A Virgem Maria Rainha resplandece em todos os tempos, no horizonte da Igreja e do mundo, como sinal de consolação e de esperança segura para todos os cristãos, já cobertos pela dignidade real do Senhor através do Batismo. O Papa Pio XII instituiu em 1955 a festa da Virgem Maria Rainha, como conseqüência daquela de Cristo Rei. Inicialmente era celebrada no dia 31 de maio, mês de Maria, encerrando as comemorações com o coroamento desta singular devoção. 
O dia 22 de agosto era reservado à homenagem ao Coração Imaculado de Maria. Mas, a Igreja desejando aproximar a festa da realeza de Maria à da sua gloriosa ascenção ao céu, inverteu estas datas a partir da última reforma do seu calendário litúrgico em 1969. 
Fonte:http://www.derradeirasgracas.com
"Augusta Rainha dos Céus e soberana Senhora dos Anjos, Vós que, desde o primeiro instante de vossa existência, recebestes de Deus o poder e a missão de esmagar a cabeça de Satanás, humildemente Vo-lo pedimos, enviai as legiões celestes dos santos anjos perseguirem, por vosso poder e sob vossas ordens, os demônios, combatendo-os por toda a parte, reprimindo-lhes a insolência, e lançando-os nas profundezas do abismo.
Quem é como Deus?
Ó boa e terna Mãe, sêde sempre o nosso amor e a nossa esperança.
Ó Mãe divina, mandai-nos os vossos santos anjos que nos defendam, e repilam para bem longe de nós o maldito demônio, nosso cruel inimigo.
Santos anjos e arcanjos, defendei-nos e guardai-nos. Amém. 
Essa bela oração foi composta em 1863 pelo Venerável Padre Louis de Cestac (1801- 1868 ) por inspiração de Nossa Senhora.Na antiga disciplina tinha 500 dias de indulgência decreto da sagrada Congregação das Indulgências, de 8 de julho de 1908 e da Sagrada Penitenciária, de 28 de março de 1935. Devemos fazer diariamente esta oração.
Novena "Almas Aflitas"
Segunda-feira, dia dedicado as Almas do Purgatório.
"Pai Eterno, eu vos ofereço o sangue de nosso Senhor Jesus Cristo, intercedei pelas almas aflitas.
E vós, almas aflitas, ide perante a Deus e pedi a graça que necessito (fazer o pedido)". Rezar: Pai Nosso, Ave Maria e o Glória.

domingo, 21 de agosto de 2016

Solenidade da Assunção de Nossa Senhora!

Encontrei-me num lugar enevoado, cheio de fogo e, dentro deste, uma multidão de almas sofredoras. Essas almas rezavam com muito fervor, mas sem resultado para si mesmas; apenas nós podemos ajudá-las. (...) O maior sofrimento delas era o anseio de Deus. Vi Nossa Senhora que visitava as almas no Purgatório. As almas chamam a Maria “Estrela do Mar.” Ela lhes traz alívio” [Diário 20]. Jesus eu confio em Vós! 

 Santa Missa(parte da homilia) na solenidade da ASSUNÇÃO DE MARIA celebrada pelo PAPA FRANCISCO
  Sexta-feira, 15 de agosto de 2014
 Boletim da Santa Sé

Amados irmãos e irmãs em Cristo!
Em união com toda a Igreja, celebramos a Assunção de Nossa Senhora, em corpo e alma, à glória do Paraíso. A Assunção de Maria mostra-nos o nosso destino como filhos adotivos de Deus e membros do Corpo de Cristo: como Maria, nossa Mãe, somos chamados a participar plenamente na vitória do Senhor sobre o pecado e a morte e a reinar com Ele no seu Reino eterno.
O «grande sinal» apresentado na primeira leitura – uma mulher vestida de sol e coroada de estrelas (cf. Ap 12, 1) – convida-nos a contemplar Maria, entronizada na glória junto do seu divino Filho. Convida-nos ainda a tomar consciência do futuro que, já desde agora, abre diante de nós o Senhor Ressuscitado.
Na segunda leitura de hoje, ouvimos São Paulo afirmar que Cristo é o novo Adão, cuja obediência à vontade do Pai derrubou o reino do pecado e da escravidão e inaugurou o reino da vida e da liberdade (cf. 1 Cor 15, 24-25). A verdadeira liberdade encontra-se no amoroso acolhimento da vontade do Pai. De Maria, cheia de graça, aprendemos que a liberdade cristã é algo mais do que a mera libertação do pecado; é a liberdade que abre para um novo modo espiritual de considerar as realidades terrenas, a liberdade de amar a Deus e aos nossos irmãos e irmãs com um coração puro e viver na jubilosa esperança da vinda do Reino de Cristo.
Ao celebrar esta festa, unimo-nos a toda a Igreja espalhada pelo mundo e olhamos para Maria como Mãe da nossa esperança. O seu cântico de louvor lembra-nos que Deus nunca esquece as suas promessas de misericórdia (cf. Lc 1, 54-55). Maria é a cheia de graça, porque «acreditou no cumprimento daquilo que o Senhor lhe dissera» (Lc 1, 45). N’Ela, todas as promessas divinas se demostraram verdadeiras. Entronizada na glória, mostra-nos que a nossa esperança é real e que, já desde agora, esta esperança se estende, «como uma âncora segura e firme para as nossas vidas» (Heb 6, 19), até onde Cristo está sentado na glória.
Amados irmãos e irmãs, esta esperança – a esperança oferecida pelo Evangelho – é o antídoto contra o espírito de desespero que parece crescer como um câncer no meio da sociedade, que exteriormente é rica e todavia muitas vezes experimenta amargura interior e vazio. A quantos dos nossos jovens não fez pagar o seu tributo um tal desespero! Que os jovens, que nestes dias se reúnem ao nosso redor com a sua alegria e confiança, nunca lhes vejam roubada a esperança!
Dirijamo-nos a Maria, Mãe de Deus, e imploremos a graça de viver alegres na liberdade dos filhos de Deus, usar sabiamente esta liberdade para servirmos os nossos irmãos e irmãs, e viver e atuar de tal modo que sejamos sinais de esperança, aquela esperança que encontrará a sua realização no Reino eterno, onde reinar é servir. Amém.
Fonte:http://papa.cancaonova.com/homilia-do-papa-na-coreia-na-solenidade-da-assuncao/

A Assunção de Maria aos céus, em corpo e alma. Não poderia conhecer as corrupções do túmulo. Aquela Imaculada que nunca jamais fora atingida por nenhuma espécie de corrupção. A que fora Tabernáculo Vivo da Divindade, o mais perfeito Vaso de insigne devoção que contivera o Deus perfeito e verdadeiro. E Ela subiu aos céus e mergulhou na Santíssima Trindade; na vida do Pai, em dimensões quase infinitas participando dos insondáveis atributos divinos; na luz e glória do Filho, alagada a sua Alma no conhecimento e posse de Deus e de todas as coisas; no Amor e Chama do Divino Espírito Santo, estando o seu Coração num indizível e universal amor, capaz de deliciá-La eternamente ao seio de Deus e no reinado sobre todos os anjos e santos!
Salve Rainha! Salve, Maria!
Frank Dutt, o fundador da Legião de Maria

sábado, 20 de agosto de 2016

São Bernardo de Claraval, rogai por nós!

 
Recita o terço que te ensinei, que a tempestade cessará (…) Por ele conseguirás tudo, se o que pedires estiver de acordo com a Minha Vontade. [Diário 1731]. Jesus eu confio em Vós!
HOJE FAZEMOS MEMÓRIA DE SÃO BERNARDO DE CLARAVAL
São Bernardo nasceu em 1090, no Castelo de Fontaine, região de Borgonha, França. Filho de um nobre chamado Tescelin Sorrel, o Vermelho e de Aleth de Monthbard, mulher virtuosa venerada como bem aventurada. Teve sete irmãos dentre os quais era o terceiro. Bernardo sempre se destacou pela inteligência e pela beleza física. Aos 9 anos foi para a escola canônica, e destacou-se principalmente na literatura.
A vocação de São Bernardo
Em 1112, aos 22 anos, Bernardo entra na Abadia de Cister, também em Borgonha. Esta abadia era um mosteiro cisterciense fundado por São Roberto de Molesme.
Foi então que Bernardo convenceu mais de trinta homens, irmãos, tios e vários amigos a entrarem para a ordem, causando enorme surpresa e alegria para a Abadia e para Santo Estevão Harding, abade sucessor do fundador São Roberto.
São Bernardo de Claraval
Bernardo era homem de estudo e oração, praticando com austeridade a regra do mosteiro, a mesma escrita por São Bento. Bernardo dedicava-se à oração e ao ensino da catequese. Tinha grande dom de oratória e convertia muitos com quem conversava, tanto que levou o para o mosteiro o irmão mais novo e seu pai.
Após dois anos em Cister, Bernardo foi enviado para o vale de Langres em 1115, com a missão de fundar a Abadia de Claraval, (vale claro), tornando o seu primeiro Abade, com apenas 25 anos. Em pouco tempo a Abadia ficou conhecida em toda a França e posteriormente por toda a Europa como um lugar onde se vivia a oração, o trabalho, a humildade, a caridade e a cultura profunda.
Bernardo e os monges de Claraval viviam com amor e integridade os votos de pobreza, castidade e obediência. Certa vez teve uma visão: um menino envolto numa luz divina disse a ele: fala aos outros sempre, pois serás inspirado pelo Espírito Santo e receberás a graça especial de compreender as fraquezas das pessoas e ajudá-las. Assim, Bernardo conseguiu muitas vocações para Claraval. O Mosteiro chegou a ter 700 monges, inclusive Henrique de França, irmão do Rei Luís Vll, que mais tarde foi bispo e arcebispo de Reims.
Bernardo reformou a Ordem Cisterciense e levou-a a ser o que é até hoje, quase mil anos depois. Ele mesmo fundou muitos mosteiros na Europa: 35 na França, 14 na Espanha, 10 na Inglaterra e Irlanda, 6 em Flandres, 4 na Itália, 4 na Dinamarca, 2 na Suécia e 1 na Hungria, além de muitos outros que se filiaram à Ordem. Sua Ordem chegou aos cinco continentes.
No Brasil, no Estado de Minas Gerais, existe uma cidade chamada Claraval, que nasceu ao redor de um grande mosteiro da ordem dos Cistercienses.
O falecimento
Quando estava para morrer e os monges rezando para que Deus não deixasse, ele disse:
Porque desejais reter aqui um homem tão miserável? Usai da misericórdia para comigo e deixai-me ir para Deus. Assim, São Bernardo faleceu no dia 20 de agosto de 1153, aos 63 anos de idade.
Oração a São Bernardo
Santo Abade de Claraval, São Bernardo, fervoroso servo de Maria, a Igreja o honra e o invoca universalmente como padroeiro das causas mais difíceis visto dirigir a Maria todo o seu fervor. Assim peço que com Maria, venha pedir por mim a Jesus. Eu estou sozinho e desamparado. Faça uso, eu imploro, do seu especial privilégio que Maria deu a voz para trazer um benefício visível e rápido a esse seu servo desesperado. Venha assistir a esse servo que está em grande dificuldade e grande necessidade de consolo e ajuda e atribulado e com sofrimentos.
Assim me consiga a graça (pedido), e ainda a graça da salvação de minha alma.
E que isto possa agradar a Deus. A vós, seu eleito para sempre. Eu prometo amado São Bernardo, sempre honrar-vos com fervor, e como especial padroeiro, encorajar a devoção a vós. Amém.

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

A Misericórdia Divina quer agir em nossos corações!

Diz às almas que não impeçam a entrada da Minha misericórdia nos seus corações, pois Ela deseja tanto agir neles. A Minha misericórdia trabalha em todos os corações que lhe abrem as suas portas. E tanto o pecador como o justo necessitam da Minha misericórdia. A conversão e a perseverança são uma graça da Minha misericórdia. [ Diário de Santa Faustina 1577]. Jesus eu confio em Vós!
ORAÇÃO AO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS
ANTE UMA GRAVE NECESSIDADE
Oh! Divino Jesus que dissestes:



«Pedi e recebereis; buscai e encontrareis; chamai e vos abrirá; porque todo o que pede recebe, e o que busca encontra, e a quem chama se abre».
Olhai-me prostrado a teus pés suplicando que me concedas uma audiência.
Tuas palavras me infundem confiança, sobre tudo agora que necessito que me faças um favor:  (Em silêncio pedindo o favor)
A quem hei de pedir, senão a Vós, cujo Coração é um manancial inesgotável de todas as graças e dons?
Onde hei de buscar senão no tesouro de vosso Coração, que contém todas as riquezas da clemência e generosidade divinas?
Onde hei de chamar senão a porta desse Coração Sagrado, através do qual Deus vem a nós, e por meio do qual vamos a Deus?
A Vós acudimos, Oh! Coração de Jesus, porque em Vós encontramos consolo, quando aflitos e perseguidos pedimos proteção;
Quando acabrunhados pelo peso de nossa cruz, buscamos ajuda; quando a angústia, a enfermidade, a pobreza ou o fracasso nos levam a buscar uma força superior as forças humanas.
Creio firmemente que podes conceder me a graça que imploro, porque vossa Misericórdia não tem limites e confio que vosso Coração compassivo encontrará em minhas misérias, em minhas tribulações e em minhas angústias, um motivo a mais para ouvir meu pedido.
Quero que meu coração esteja cheio da confiança com que orou o centurião romano em favor de seu criado; da confiança com que oraram as irmãs de Lázaro, os leprosos, os cegos, os paralíticos que se acercavam a Vós porque sabiam que teus ouvidos e vosso Coração estavam sempre abertos para ouvir e remediar seus males.
Sem dúvida... deixo em vossas mãos meu pedido, sabendo que vós sabes as coisas melhor que eu; e que, se não me concedes esta graça que te peço, me darás em troca outra de que muito necessita minha alma; e me concederás olhar as coisas, minha situação, meus problemas, minha vida inteira, deste outro ângulo, com mais Espírito de fé.
Qualquer que seja vossa decisão, nunca deixarei de amar-vos, adorar-vos e servir-vos, Oh! bom Jesus.
Aceitai este meu ato de perfeita adoração e submissão ao que decrete vosso Coração misericordioso. Amém.
Pai-Nosso, Ave-Maria, Glória ao Pai...


quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Jesus eu confio em Vós!


Não temas, pois não te deixarei sozinha. Faz por essa causa o que puderes, Eu farei tudo o que não conseguires. Tu sabes o que está em teu poder, então realiza-o." [ Diário de Santa Faustina 881]. Jesus eu confio em Vós!
DIA DA RENOVAÇÃO DA ALIANÇA DE AMOR
CONSAGRAÇÃO A NOSSA SENHORA
Ó minha Senhora, ó minha Mãe, eu me ofereço toda a Vós, e em prova de minha devoção para convosco, eu vos consagro neste dia meus olhos, meus ouvidos, minha boca, meu coração e inteiramente todo o meu ser.E porque assim sou vossa, ó incomparável Mãe, guardai-me, defendei-me como coisa e propriedade vossa. Amém.
CONFIO
Confio em teu poder, e em tua bondade, em ti confio com filialidade.
Confio cegamente em toda a situação, Mãe, no teu Filho e na tua proteção. (3x) 
MEDITAÇÃO DIANTE DE NOSSA SENHORA
Mãe, aqui estou!
Tanta coisa pesa na minha cabeça, Tanta coisa se confunde no meu espírito, que eu não sei o que fazer, o que te dizer.
Mas sabia que precisava de te procurar, e por isso vim, num esforço de vontade, num ato de fé...
Vim para te ver.
Vim para ser visto.
Vim para pedir.
Vim para te mostrar que te amo.
Vim para te mostrar que eu creio.
Vim para ficar um pouco mais perto de ti.
Vim também por aqueles que nunca vêm mas que acredito, ainda crêem.
Porque lutam.
Porque esperam.
Porque procuram...
mas tantas vezes se enganam nas suas buscas, tantas vezes esperam em vão, tantas vezes lutam e perdem.
Vim também por aqueles que estão a sofrer e não encontram sentido no sofrimento.
Vim especialmente, por aqueles - que já não lutam, - que já não esperam, - que já não procuram.
Mãe, olha para o coração de cada um deles, que, como todos os homens, buscam o amor...
Salva neles o que ainda resta de fidelidade...
Mãe, não os abandones. Sei que fui colocado providencialmente junto deles.
E é por isso que aqui estou, diante de ti...
Peço-te que me purifiques e santifiques...que me ensines a estar presente, a cada momento, na realidade do visível e do invisível...
Mãe, ajuda-me a penetrar profundamente na tua mensagem...
Que nela eu encontre a resposta para os meus problemas e para os problemas dos que me cercam...
Que saiba vivê-los de tal forma que eu mesmo seja uma resposta para eles.
Mãe, guarda-me no teu amor e a todos os que me deste...
Querida Mãe, roga por nós. Amém.

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Confiar totalmente na bondade de Jesus!

Minha filha, garanto-te recursos constantes de que viverás. A tua obrigação é confiar totalmente na Minha bondade, e a Minha é dar-te tudo de que necessitas. Eu mesmo faço-Me dependente da tua confiança; se ela for grande, a Minha generosidade não terá limites." [Diário de Sta. Faustina  548]. Jesus eu confio em Vós!
TODA QUARTA É DEDICADA A SÃO JOSÉ
ORAÇÃO A SÃO JOSÉ.
 A vós, SÃO JOSÉ, recorremos em nossa tribulação, e depois de termos implorado  o auxílio de vossa SANTÍSSIMA ESPOSA e cheios de confiança, solicitamos também o vosso patrocínio. Por esse laço sagrado de caridade que vos uniu à VIRGEM IMACULADA, MÃE de DEUS, e pelo amor paternal que tivestes ao MENINO JESUS, ardentemente vos suplicamos que lanceis um olhar benigno sobre a herança que JESUS CRISTO conquistou com Seu Sangue, e nos socorrais nas nossas necessidades com o vosso auxílio e poder.
Protegei, ó guarda providente da SAGRADA FAMÍLIA, o povo eleito de JESUS CRISTO. Afastai para longe de nós, ó Pai Amantíssimo, a peste, o erro e o vício que aflige o mundo. Assisti-nos do alto do Céu, ó nosso Fortíssimo Sustentáculo, na luta contra o poder das trevas, e assim, como outrora salvastes da morte a vida ameaçada do MENINO JESUS, defendei também agora a Santa IGREJA de DEUS, conta as ciladas dos seus inimigos e contra toda a adversidade.
Amparai a cada um de nós com o vosso constante patrocínio, a fim de que, a vosso exemplo e sustentados com o vosso auxílio, possamos viver virtuosamente, piedosamente morrer e obter no Céu a eterna bem-aventurança. Amém.
São José, rogai por nós.
 CONSAGRAÇÃO AOS TRÊS SAGRADOS CORAÇÕES
Sagrado Coração de Jesus, Imaculado Coração de Maria e Castíssimo Coração de São José, eu vos consagro neste dia a minha mente (+ fazer o sinal da Cruz), as minhas palavras (+), o meu corpo (+), o meu Coração (+) e a minha alma (+), para que a vossa vontade se cumpra através de mim neste dia. Amém!

terça-feira, 16 de agosto de 2016

Jesus, meu modelo perfeitíssimo.

Jesus, meu modelo perfeitíssimo, com o olhar fixo em Vós irei pela vida seguindo os Vossos passos, adaptando a natureza à graça segundo a Vossa santa vontade e aquela luz que ilumina a minha alma, totalmente confiante em Vosso auxílio. [Diário de Santa Faustina 1351]. Jesus eu confio em Vós!
Catequese parábola do Pai Misericordioso
 Praça São Pedro – Vaticano
 Quarta-feira, 11 de maio de 2016

Caros irmãos e irmãs, bom dia!
Hoje, esta audiência acontece em dois lugares: com o risco de perigo da chuva, os enfermos participam na Sala Paulo VI e nos acompanham por meio de telões; dois lugares mas uma só audiência. Vamos saudar os enfermos que estão na Sala Paulo Paulo VI. Queremos refletir hoje sobre a parábola do Pai Misericordioso. Ela nos fala de um pai e de seus dois filhos, e nos apresenta a misericórdia infinita de Deus.

Vamos partir do fim, isto é, da alegria do coração do Pai, que diz: “Façamos festa, porque este meu filho estava morto e voltou a viver, estava perdido e foi encontrado” (vv. 23-24). Com estas palavras, o pai interrompeu o filho menor no momento em que estava confessando sua culpa: “Não sou mais digno de ser chamado de teu filho…” (v. 19). Mas. Esta expressão é insuportável para o coração do pai, que se apressa em restituir ao filho os sinais de sua dignidade: a bela roupa, o anel, os calçados. Jesus não descreve um pai ofendido e ressentido, um pai que, por exemplo, diz ao filho: “Você vai me pagar”: não, o pai o abraça, o espera com amor.

Ao contrário, a única coisa que o pai tem no coração é que este filho está diante dele são e salvo e isto o faz feliz e faz festa. O acolhimento do filho que retorna é descrito de maneira comovente: “Quando ainda estava distante, seu pai o viu, teve compaixão, correu-lhe ao encontro, abraçou-o e beijou-o” (v. 20). Quanta ternura; viu-o ao longe: o que isso significa? Que o pai subia continuamente sobre o terraço para observar a estrada e ver se o filho voltava; aquele filho que tinha aprontado de tudo, mas o pai o aguardava. Que coisa mais bela a ternura do pai!

A misericórdia do pai é transbordante, incondicional, e se manifesta ainda antes de o filho falar. Certo, o filho saber que errou e o reconhece: “Pequei… trata-me com um de teus empregados” (v. 19). Mas estas palavras se dissolvem diante do perdão do pai. O abraço e o beijo de seu papai os fazem entender que sempre foi considerado filho, apesar de tudo. É importante este ensinamento de Jesus: a nossa condição de filhos de Deus é fruto do amor do coração do Pai; não depende de nossos méritos ou de nossas ações, e portanto ninguém pode tirá-la, nem mesmo o diabo! Ninguém pode nos tirar esta dignidade.

Esta palavra de Jesus nos encoraja a não desesperar jamais. Penso nas mães e nos pais apreensivos quando veem os filhos distanciando-se e tomando caminhos perigosos. Penso nos párocos e catequistas que, às vezes, se perguntam se o trabalho deles está sendo em vão. Mas penso também em quem está preso, e lhe parece que a sua vida tenha terminado; a muitos que fizeram escolhas erradas e não conseguem olhar para o futuro; a todos aqueles que tem fome de misericórdia e de perdão e creem não merecê-lo… em qualquer situação da vida, não deve esquecer que não deixarei jamais de ser filho de um Pai que me ama e espera o meu retorno. Mesmo na situação mais feia da vida, Deus me espera, Deus quer me abraçar, Deus me espera.

Na parábola há um outro filho, o mais velho; também ele tem necessidade de descobrir a misericórdia do pai. Ele sempre permaneceu em casa, mas é tão diferente do pai! As suas palavras carecem de ternura: “‘Eu trabalho para ti há tantos anos, jamais desobedeci a qualquer ordem tua… mas quando chegou esse teu filho…” (vv. 29-30). Vejamos o desprezo: não diz nunca “pai”, não diz meu “irmão”, pensa só em si mesmo, se gaba de ter sempre ficado ao lado do pai e tê-lo servido; apesar de nunca ter vivido com alegria esta proximidade. E agora acusa o pai de não ter-lhe dado um cabrito para fazer festa. Pobre pai! Um filho que tinha ido embora, e outro nunca lhe foi próximo de verdade! O sofrimento do pai é como o sofrimento de Deus, o sofrimento de Jesus quando nos distanciamos ou porque fomos distante ou porque estamos perto mas sem ser próximos.

O filho mais velho, também ele tem necessidade de misericórdia. Os justos, aqueles que acreditam ser justos, também tem necessidade de misericórdia. Este filho representa nós quando nos perguntamos se vale a pena fadigar tanto se não recebemos nada em troca. Jesus nos recorda que na casa do Pai não se permanece para ter uma compensação, mas porque tem a dignidade dos filhos corresponsáveis. Não se trata de “permutar” com Deus, mas de estar no seguimento de Jesus que deu a si mesmo sobre a cruz sem medida.

Filho, tu estás sempre comigo, e tudo o que é meu é teu. Mas era preciso festejar e alegrar- nos” (v. 31). Assim diz o Pai ao filho mais velho. Sua lógica é a da misericórdia! O filho mais novo pensava merecer um castigo por causa de seus próprios pecados, o filho mais velho esperava uma recompensa por seus serviços. Os dois irmãos não se falam, vivem histórias diferentes, mas pensam de acordo com uma lógica diferente da de Jesus: se faz o bem recebe um prêmio, se faz um mal é punido; esta não é a lógica de Jesus, não o é! Esta lógica é subvertida pelas palavras do pai: “era preciso festejar e alegrar-nos, porque este teu irmão estava morto e tornou a viver, estava perdido e foi encontrado” (v. 31). O pai recuperou o filho perdido, e agora pode também restituir ao seu irmão! Sem o mais novo, também o filho mais velho deixa de ser um “irmão”. A alegria maior para o pai é ver que seus filhos se reconhecem irmãos.

Os filhos podem decidir unirem-se à alegria do pai ou rejeitá-la. Devem se interrogar sobre seus próprios desejos e sobre a visão que têm da vida. A parábola termina deixando o final suspenso: não sabemos o que tenha decidido fazer o filho mais velho. E isso é um estímulo para nós. Este Evangelho nos ensina que todos temos necessidade de entrar na casa do Pai e participar da sua alegria, da sua festa da misericórdia e da fraternidade. Irmãos e irmãs, abramos nosso coração, para sermos “misericordiosos como o Pai”!

 Fonte:http://papa.cancaonova.com/ser-filho-de-deus-nao-depende-de-erros-ou-acertos-diz-papa/

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Jesus é Misericordia incondicional!

Deves saber, filha Minha, que entre Mim e ti existe um abismo insondável, que separa o criador da criatura, mas esse abismo será preenchido pela Minha misericórdia. Elevo-te até Mim, não porque necessite de ti, mas, unicamente por misericórdia, concedo-te a graça da união. [Diário  1577 ]. Jesus eu confio em Vós!
ORAÇÃO PARA AS ALMAS DO PURGATÓRIO
Benditas almas do purgatório, que minhas orações vos sejam favoráveis.
Que Deus Pai, nosso criador, possa olhar para as vossas boas ações praticadas aqui na terra, que Deus Filho, que nos redimiu com seu sangue, seja para vós consolo e que o Espirito Santo, nossa força, vos dê a luz eterna.
Almas santas que compartilhais das alegrias do céu, eu vos ofereço minhas orações, para que junto de Deus possais interceder por mim.
Pelo vosso descanso eterno.....Pai nosso.....
Para que a Luz eterna vos ilumine......Pai nosso.....
Pela vossa consolação.....Pai nosso.....
Para que a Santíssima Trindade use de sua misericórdia nós damos glória ao Pai, glória ao Filho e glória ao Espírito Santo. Como era no principio, agora e sempre. Amém.
 
Novena "Almas Aflitas"
Segunda-feira, dia dedicado as Almas do Purgatório.
"Pai Eterno, eu vos ofereço o sangue de nosso Senhor Jesus Cristo, intercedei pelas almas aflitas.
E vós, almas aflitas, ide perante a Deus e pedi a graça que necessito (fazer o pedido)". Rezar: Pai Nosso, Ave Maria e o Glória.
Amados Leitores celebraremos São Miguel Arcanjo no dia 29 de setembro, hoje iniciamos a quaresma. Segue endereço para quem for fazer a quaresma de São Miguel:   http://formacao.cancaonova.com/espiritualidade/oracao/quaresma-de-sao-miguel-arcanjo/

domingo, 14 de agosto de 2016

Ser Pai é vocação e dom.

"O meu maior desejo é que as almas conheçam que Vós sois a sua felicidade eterna, que creiam na Vossa bondade e glorifiquem para sempre a vossa misericórdia" [Diário  305]. Jesus eu confio em Vós!
Evangelho de hoje - Lucas 12, 49-53
"Vim trazer fogo à terra, e como gostaria que já estivesse aceso!
 Mas tenho que passar por um batismo, e como estou angustiado até que ele se realize! Vocês pensam que vim trazer paz à terra? Não, eu digo a vocês. Ao contrário, vim trazer divisão!
De agora em diante haverá cinco numa família divididos uns contra os outros: três contra dois e dois contra três.
Estarão divididos pai contra filho e filho contra pai, mãe contra filha e filha contra mãe, sogra contra nora e nora contra sogra".
Palavras da Salvação. Glória a Vós Senhor!
Feliz Dia dos Pais!
Venho hoje a Ti, Senhor, pedir que estenda Tuas Mãos Divinas sobre todos os Pais, abençoando-os. 
Abençoa, Senhor, o Pai amigo e companheiro, o Pai sempre presente,  que oferece o colo e estende a mão, mas  também o Pai ausente, colocando todo Teu Amor em seu coração.
Abençoa, Senhor, o Pai que hoje recebe o abraço de seus filhos e o Pai que chora a ausência do filho que partiu para Teus braços.
Dai, a este, o consolo da mansa saudade e enxuga, com Teu Divino Manto, as lágrimas que vertem de seus olhos.
Estenda, Senhor, Tuas mãos de Amor sobre todos os Pais, concedendo a eles os dons da paciência, compreensão, tranqüilidade, ternura, justiça,  fé na vida  e em seus filhos, e Amor, muito Amor, para que cada filho seja, para seu pai, um pai, e para que cada pai seja, para seu filho, um filho.
E aos filhos, cujos Pais estão junto a Ti, dai a Fé e o entendimento de que os Pais  nunca vão embora... Eles apenas mudam de lugar...
 
Hoje celebramos São Maximiliano
Maria Kolbe, mártir da caridade 
ORAÇÃO: Ó São Maximiliano, escuta esta oração de louvor e de súplica que dirijo a ti com confiante devoção.
Louvo a santidade de tua vida, guiada pela intrépida fé no mistério de Cristo, sustentada pela firme esperança no poder de sua graça, animada pela ardente caridade para com Deus e com o próximo.
Permita-me viver constantemente em fiel correspondência com a dignidade humana e cristã.
Exalto a tua atividade apostólica, na qual te empenhaste com férvido zelo para educar o povo de Deus na fé de Cristo Senhor, e na veneração da Imaculada, Mãe tua e Mãe nossa, Maria.
Permite-me poder colaborar com todas as minhas forças, junto com a Imaculada, Rainha do mundo e Mãe da Igreja, no advento do Reino de Cristo entre os homens.
Admiro o sacrifício heroico com o qual ofereceste a tua vida espontaneamente para salvar a de um irmão.
Permita-me crer firmemente que a fé em Cristo Senhor é a única vitória que vence o mal, e de poder operar com a coragem dos mártires, pelo triunfo da justiça, da caridade e da paz. Amém.