quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Rezemos pelas almas do Purgatório.

“E, se muitas vezes, tenho o rosto voltado para o chão e as lágrimas correm com abundância, no entanto, ao mesmo momento a minha alma está repleta de uma profunda paz e felicidade… ” [Diário 1394]. Jesus eu confio em Vós!
SAIBA O PORQUE DEVEMOS REZAR PELAS ALMAS DO PURGATÓRIO

Quanto tempo faz que você não reza pelos seus falecidos? Muitas pessoas choram, mas não rezam. Quanto tempo faz que você não manda celebrar uma Missa pelos seus mortos? Quanto tempo faz que você não pensa na existência do purgatório, nessa linda possibilidade de, após a morte, sermos purificados dos nossos pecados?
Purgatório vem do latim”purgare“, quer significa purificar. Purgatório, portanto, é a possibilidade de purificação que Deus nos concede, após a nossa morte, por causa dos méritos de Cristo. Para essa purificação acontecer, os mortos precisam passar por sofrimentos sensíveis comparados ao fogo.

Os santos dizem que o fogo do purgatório é semelhante ao do inferno, com a diferença de que esse último é para os condenados, portanto, para o tormento deles. O fogo do purgatório, porém, é para os que se salvaram, mas não estão ainda totalmente purificados. O fogo do purgatório torna-se para eles purificação e redenção. As almas sofrem terrivelmente, mas como o ouro que passa pela purificação.

O ouro, para ser purificado, deve ser submetido a uma temperatura altíssima. Só assim as impurezas se separam dele e o deixam puro. E é assim que acontece com todos os que passam pelo purgatório: são purificados pelo fogo.
Você esta completamente purificado para se apresentar diante do Senhor, justo juiz? Você fez suficiente penitência pelos seus pecados? Já reparou as consequências desastrosas deles? Já reconstruiu aquilo que seus pecados acabaram destruindo na vida de seus irmão?

É claro que Deus perdoa as nossas faltas, mas fique atento a esta comparação: caso você entre na casa de alguém e destrua móveis, roupas, coloque fogo em tudo, depois se arrependa-se e peça perdão, se a pessoa aceitar perdoado você estará. Porém, a casa já foi destruida e precisará ser refeita. Você necessitava do perdão, mas agora deverá ajudar o dono da casa a restaurar o que foi destruido.
Quando vivemos situação semelhante diante de Deus, temos muito mais responsabilidade ainda, porque as consequências dos nossos pecados são muito maiores e atingem pessoas e não coisas. Os pecados que cometemos contra a castidade, por exemplo, causam grandes prejuízos as pessoas. E quanta gente sofreu, ficou marcada, enveredou por caminhos errados por coisas que fizemos! Deus perdoa mas precisamos fazer nossa parte e reparar o mal que fizemos. Certamente mesmo que nos penitenciássemos a vida inteira, não consegueriamos reparar o danos que cometemos. É por isso que Deus, em sua imensa bondade e misericórdia, nos dá a possibilidade das indulgências.

Todas as nossas orações, boas obras, todos os méritos dos santos que já estão nos céus, os méritos da Santíssima Virgem e especialmente os méritos infinitos de Nosso Senhor Jesus Cristo ficam como que depositados nos” tesouros da Igreja“, e ela, que recebeu do Senhor o poder de ligar e desligar na Terra e no Céu, pode retirar desse tesouro os méritos que não temos, para saldar a dívida pelas consequências dos pecados que cometemos, e não somos capazes de pagar inteiramente.
Veja, a realidade do purgatório, a possibilidade que Deus nos concede de expiar as consequências dos nosso pecados, após a morte, é resultado da infinita misericórdia divina, que sabe que não podemos reparar os danos que nossos pecados causaram durante a nossa vida.

O Catecismo da Igreja Católica ensina-nos que: “Os que morrem na graça e na amizade de Deus, mas não estão completamente purificados, embora tenham garantida a salvação eterna, passam, após sua mote, por uma purificação, a fim de obter a santidade necessária para entrar na alegria do Céu” (CIC 1030).
As almas que estão no purgatório nada podem fazer por elas mesmas, por isso precisamos rezar por elas, pedindo a Nosso Senhor que abrevie o tempo delas no purgatório e logo elas possam contemplar a Face do Senhor. Existe um grande benefício em rezar por elas, pois, ganhando os Céus passarão a ser grandes intercessores a Deus por nós.

Trecho tirado do livro rezemos pelas almas do purgatório Editora Canção Nova.

Nenhum comentário:

Postar um comentário